L'itinérance

“Cinema: It is a ribbon of dreams.” (Orson Welles)

Dez Filmes (22)

Mais uma lista de dez (10) filmes a que tenho assistido — em alguns casos, mais de uma vez. Não constam dela aqueles filmes sobre os quais eu já tenha publicado algum post. Os links remetem para um site especializado em cinema.

Singin' in the Rain, movie

Gene Kelly em “Cantando na Chuva” (Singin’ in the Rain, 1952)

1. Cantando na Chuva (Singin’ in the Rain, 1952) – Musical dirigido por Stanley Donen e Gene Kelly, estrelando Gene Kelly, Donald O’Connor, Debbie Reynolds e Jean Hagen. No roteiro, astros do cinema mudo vivem a transição para o cinema falado, que logo se torna a nova moda entre os espectadores. O filme tem sido considerado por alguns como o melhor musical americano de todos os tempos. Na edição do Oscar de 1953 o filme foi indicado nas categorias de Melhor Atriz Coadjuvante (Jean Hagen) e Melhor Trilha Sonora (Lennie Hayton). A famosa cena de Singing In The Rain ficou eternizada. nota 8

2. …E o Vento Levou (Gone with the Wind, 1939) – Clássico e grandioso romance dramático dirigido principalmente por Victor Fleming e com roteiro adaptado do livro homônimo de autoria de Margaret Mitchell. A conhecida trilha sonora é de Max Steiner. Protagonizado por Vivien Leigh e Clark Gable, Gone with the Wind foi o primeiro filme a cores, usando a tecnologia Technicolor. Um verdadeiro fenômeno, é o segundo filme com o maior número de indicações ao Oscar; na edição de 1940 o filme teve 13 (treze) indicações, conseguindo vencer em 8 (oito), incluindo Melhor Filme, e recebendo ainda outras duas estatuetas especiais. nota 8

3. A Primeira Noite de um Homem (The Graduate, 1967) – Comédia romântica dirigida por Mike Nichols e estrelada por Dustin Hoffman, Anne Bancroft e Katharine Ross. O roteiro é baseado no livro homônimo de Charles Webb. O filme ficou conhecido, entre outros motivos, pela trilha sonora proposta pela dupla Simon & Garfunkel (na qual lançariam canções que se tornariam sucessos, como Mrs. Robinson) e por ter iniciado a carreira do então desconhecido Dustin Hoffman. O filme tornou-se um mito. Na edição do Oscar de 1968 foi indicado em sete categorias, vencendo em Melhor Diretor. nota 8

4. Meu Ódio Será Sua Herança (The Wild Bunch, 1969) – Aclamado western dirigido por Sam Peckinpah, estrelando William Holden, Ernest Borgnine, Robert Ryan e Edmond O’Brien. Tornou-se controverso pela violência estilizada, com muitas cenas filmadas em slow motion. Conta a história de uma veterana quadrilha de foras-da-lei, que acaba se envolvendo na sangrenta revolução mexicana. Em 1970 o filme foi indicado ao Oscar em duas categorias: Melhor Trilha Sonora e Melhor Roteiro Original. nota 8

5. E.T.; O Extraterrestre (E.T.: The Extra-Terrestrial, 1982) – Filme dos gêneros ficção científica e drama, dirigido por Steven Spielberg. Considerado um dos maiores sucessos de bilheteria de toda a história do cinema. Estrelando Henry Thomas, Drew Barrymore, Dee Wallace, Peter Coyote e Robert MacNaughton. Um alienígena perdido na Terra faz amizade com um garoto de dez anos, que o ajuda a regressar ao seu planeta. Premiadíssimo. Em 1983 o filme foi indicado ao Oscar em 9 (nove) categorias, vencendo em quatro, entre as quais Melhor Trilha Sonora (John Williams). nota 8

6. No Tempo das Diligências (Stagecoach, 1939) – Dirigido por John Ford, este filme é considerado um dos melhores westerns de todos os tempos.  O roteiro é uma adaptação de The Stage to Lordsburg, conto de Ernest Haycox. Após esse filme, John Wayne se tornou um astro internacional de Hollywood. Claire Trevor contracenou com Wayne. Grandes diretores do cinema, tais como Orson Welles e Akira Kurosawa, foram influenciados por este filme. Em 1940 o filme foi indicado em sete categorias, vencendo em duas: Melhor Ator Coadjuvante (Thomas Mitchell) e Melhor Trilha Sonora. nota 8

7. Máquina Mortífera (Lethal Weapon, 1987) – Filme de ação dirigido por Richard Donner, estrelando Mel Gibson e Danny Glover. Um detetive famoso por sua ousadia e sangue frio e um pacato e tranquilo policial, à espera da aposentadoria, se juntam em uma missão para desbaratar uma quadrilha internacional de traficantes de drogas composta por ex-militares da guerra do Vietnã. Em 1988 foi indicado ao Oscar na categoria de Melhor Som. O filme teve três outras sequências (1989, 1992 e 1998). nota 7

8. Um Homem Chamado Cavalo (A Man Called Horse, 1970) – Western dirigido por Elliot Silverstein, com roteiro baseado no conto A Man Called Horse, de 1968, do livro Indian Country de Dorothy M. Johnson. Estrelando Richard Harris e Judith Anderson. O filme conta a história de um aristocrata britânico que foi capturado por uma tribo de índios (Sioux no filme, Crow no livro). O filme teve duas sequências (1976 e 1983), também estreladas por Harris. nota 7

9. Um Lugar chamado Notting Hill (Notting Hill, 1999) – Comédia romântica dirigida por Roger Mitchell e escrita por Richard Curtis. Protagonizado por Hugh Grant e Julia Roberts. O título é uma referência a Notting Hill, um bairro de Londres, onde a história acontece. O roteiro conta o relacionamento entre um dono de uma livraria especializada em guias de viagem, residente em Notting Hill, e uma famosa estrela de cinema norte-americana. A música She, de Elvis Costello, é uma marca do filme. nota 7

10. Cidade dos Anjos (City of Angels, 1998) – Romance dirigido por Brad Silberling, com Nicolas Cage e Meg Ryan no elenco. O filme fala sobre a paixão de um anjo por uma mulher. A história de amor impossível ainda é embalada pelo hit romântico do Goo Goo Dolls, Iris. O filme tem sido indicado a alguns importantes prêmios, inclusive a um Globo de Ouro. nota 6

Confira também as listas anteriores de dez (10) filmes: 21, 20, 19, 18, 17, 16, 15, 14, 13, 12… Em meu espaço pessoal no Youtube talvez você  encontre vídeos para alguns destes filmes, com cenas selecionadas e trailers. Consulte as Listas de Reprodução.

Written by Paulo Amadeu

26/03/2011 às 0:03

Publicado em Assistidos Recentemente

Tagged with

%d blogueiros gostam disto: