L'itinérance

“Cinema: It is a ribbon of dreams.” (Orson Welles)

Dez Filmes (24) – Cinema Brasileiro (II)

Publico aqui mais uma lista de dez (10) filmes a que tenho assistido — em alguns casos, mais de uma vez. Esta é a segunda lista em que constam apenas filmes brasileiros. Os links remetem para um site especializado em cinema.

City of God, movie

Cena de “Cidade de Deus”, 2002. Alexandre Rodrigues (“Buscapé”) em primeiro plano.

1. Cidade de Deus (2002) – Dirigido por Fernando Meirelles e co-dirigido por Kátia Lund, foi adaptado por Bráulio Mantovani a partir do livro homônimo escrito por Paulo Lins. O filme mostra o crescimento do crime organizado na Cidade de Deus entre as décadas de 1960 e 1980. No elenco, nomes como Alexandre Rodrigues, Leandro Firmino, Jonathan Haagensen e Matheus Nachtergaele. À exceção de um ator que possuía boa experiência em atuação, os atores, em sua maioria, eram verdadeiros moradores de favelas. Premiadíssimo. Na edição do Oscar de 2003 o filme recebeu quatro indicações, nas categorias de Melhor Diretor, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Edição e Melhor Fotografia. nota 9

2. Grande Sertão: Veredas (1965) – Direção de Geraldo e Renato dos Santos Pereira, com música de Radamés Gnatali. O roteiro é uma adaptação do romance Grande Sertão: Veredas, escrito em 1956 por Guimarães Rosa — uma das grandes obras da literatura brasileira e lusófona. A famosa obra de Guimarães Rosa “discorre sobre elementos universais, alegoricamente contextualizados em um ambiente regional, numa escrita poética em que o sertão é o locus hominis: ‘o sertão é do tamanho do mundo’.” Estrelando Maurício do Valle, Jofre Soares, Milton Gonçalves, Sônia Clara e Luigi Picchi. nota 8

3. Deus e o Diabo na Terra do Sol (1964) – Drama dirigido por Glauber Rocha, considerado um marco do cinema novo, foi gravado em Monte Santo (Bahia). Estrelando Geraldo Del Rey, Yoná Magalhães, Maurício do Valle e Othon Bastos. Um casal sertanejo leva uma vida sofrida no interior do país, uma terra desolada e marcada pela seca. Após um homicídio cometido pelo sertanejo, o casal se une a uma radical seita religiosa, que será alvo dos latifundiários e poderosos locais. Em 1964 o filme foi indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes. nota 8

4. Lisbela e o Prisioneiro (2003) – Excelente comédia romântica dirigida por Guel Arraes. É uma adaptação inteligente da peça de teatro homônima de Osman Lins. No elenco, nomes como Débora Falabella, Selton Mello, Virginia Cavendish, Bruno Garcia e Marco Nanini. A mocinha romântica adora filmes norte-americanos e sonha com os heróis do cinema. A trilha sonora é assinada pelo diretor teatral João Falcão e pelo músico André Moraes; traz conhecidas composições da MPB, como “Você não me ensinou a te esquecer” interpretada por Caetano Veloso. nota 7

5. Sai da frente (1952) – Filme que marca a estréia de Amácio Mazzaropi nos cinemas, até então artista de sucesso no circo, rádio e televisão. Estrelando Mazzaropi e Ludy Veloso (que ganhou o Prêmio Saci, do jornal O Estado de São Paulo, como Melhor Atriz Coadjuvante). Grande sucesso na época, conta a história de um dono de um precário caminhão, que tem um cão como melhor amigo. Ele é contratado para transportar alguns móveis para Santos (SP), descendo a serra pela Via Anchieta, até atingir o grande porto. O filme se desenrola no decorrer de um dia. nota 7

6. Terra em Transe (1967) – Drama dirigido por Glauber Rocha, que tem no elenco nomes como Jardel Filho, Paulo Autran, José Lewgoy, Glauce Rocha, Hugo Carvana, Francisco Milani, Danuza Leão e Paulo Glacindo. Recorrendo à alegoria, o filme procura retratar a situação do país no início dos anos 60 que levou à ditadura militar do Brasil. Enfrentou, à época, problemas com a censura estabelecida no Brasil, tendo sido proibido no território nacional, por ser considerado subversivo e irreverente com a Igreja. O filme rendeu um prêmio a Glauber Rocha no Festival de Cannes em 1967. nota 7

7. O Contador de Histórias (2009) – Tocante, e até comovente, é um filme biográfico dirigido por Luiz Villaça. Conta a história de Roberto Carlos Ramos, o contador de história bastante conhecido em Belo Horizonte. O filme tem no elenco nomes como Maria de Medeiros, Malu Galli e Cleiton Santos. Na década de 1970, uma mãe muito pobre leva o seu filho caçula para a FEBEM, acreditando que lá o filho terá melhores oportunidades, podendo até tornar-se um doutor. Logo o comportamento do menino será rotulado como irrecuperável. O filme foi premiado com o selo da Unesco, Organização das Nações Unidas. nota 7

8. Meu Pé de Laranja Lima (1970) – Drama dirigido por Aurélio Teixeira, baseado no best-seller homônimo de de José Mauro de Vasconcelos. No elenco, Júlio César Cruz, Aurélio Teixeira, Elisa Fernandes e Maria Gladys. Conta a história de um menino muito pobre, de seis anos de idade, cuja única diversão é conversar e trocar confidências com um pé de laranja lima plantado no quintal da sua casa. nota 7

9. Olga (2004) – Filme dirigido por Jayme Monjardim, inspirado na biografia escrita por Fernando Morais sobre a alemã, judia e comunista Olga Benário Prestes, com foco na sua relação com o brasileiro Luís Carlos Prestes. No elenco, Camila Morgado, em boa atuação, além de Caco Ciocler e Fernanda Montenegro. Foi grande sucesso de bilheteria. Com baixa avaliação pela crítica especializada brasileira e alemã, este é um dos filmes brasileiros que mais gosto. Na música de Marcus Viana, destaque para o tema “Iluminar”; a canção, baseada nos versos de Vladimir Mayakovsky, recebeu uma orquestração. nota 6

10. Vestido de Noiva (2006) – Filme baseado na peça teatral homônima, de teor psicológico, escrita por Nelson Rodrigues e encenada pela primeira vez em 1943. A adaptação e direção é de Jofre Rodrigues, filho de Nelson Rodrigues. A peça marca o início da moderna dramaturgia brasileira. No elenco, Marília Pera, Simone Spoladore, Marcos Winter e Letícia Sabatella em bons desempenhos. Na trilha sonora, destaque para várias composições clássicas conhecidas e algumas obras do repertório de Chiquinha Gonzaga. nota 6

Confira também primeira lista com filmes brasileiros, aqui. As últimas listas de dez (10) filmes: 23, 22, 21, 20, 19, 18, 17, 16, 15, 14… Não constam destas listas aqueles filmes sobre os quais já tenhamos publicado algum post.  Em meu espaço pessoal no Youtube talvez você  encontre vídeos para alguns destes filmes, com cenas selecionadas e trailers. Consulte as Listas de Reprodução.

Written by Paulo Amadeu

09/04/2011 às 21:04

%d blogueiros gostam disto: