L'itinérance

“Cinema: It is a ribbon of dreams.” (Orson Welles)

Dez Filmes (47)

Publico mais uma lista de dez (10) filmes a que tenho assistido — em um ou outro caso, mais de uma vez. Assim como nas listas anteriores, procurei incluir vários gêneros, épocas e avaliações. Os links remetem para um site especializado em cinema.

American History X, 1998

Edward Norton em “A Outra História Americana” (American History X, 1998)

1. A Outra História Americana (American History X, 1998) – Filme dirigido por Tony Kaye, estrelando Edward Norton, Edward Furlong e Beverly D’Angelo.  Pertencente a uma família abalada pela perda precoce do pai, jovem torna-se o líder de um grupo com doutrinas neonazistas, é preso após um assassinato e vê o irmão mais novo seguindo a mesma trajetória. O filme trabalha com frequentes flashbacks em preto e branco. Em 1999 Edward Norton foi indicado ao Oscar de Melhor Ator por sua atução neste filme. “A vida é curta demais para se estar zangado o tempo todo”. nota 8,6

2. Tempos Modernos (Modern Times, 1936) – Genial e memorável comédia do cineasta britânico Charles Chaplin, em que o seu famoso personagem "O Vagabundo" (The Tramp) tenta sobreviver em meio ao mundo moderno e industrializado. Estrelando também Paulette Goddard, Henry Bergman e Chester Conklin. Nesse filme Chaplin quis passar uma mensagem social. Cada cena é trabalhada para tanto, o que resulta em várias antológicas, como a conhecida cena final. “Tenha calma e não se excite”. nota 8,5

3. Testemunha de Acusação (Witness for the Prosecution, 1957) – Filme, que particularmente gosto bastante, em que se conjugam suspense e tribunal, e com alguns momentos de humor britânico inteligente e refinado. Com um final surpreendente, foi dirigido por Billy Wilder e baseado em peça teatral de Agatha Christie. Estrelando Charles Laughton, Tyrone Power, Marlene Dietrich e Elsa Lanchester. Muito boa interpretação de Charles Laughton. Em 1958 o filme foi indicado ao Oscar em seis categorias, incluindo Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Ator (Charles Laughton).  “Não é o veredito deles o que me preocupa. É o meu”. nota 8,4

4. A Pequena Loja da Rua Principal (Obchod na korze, 1965) – Filme tcheco dirigido por Ján Kadár e Elmar Klos, estrelando Jozef Króner, Ida Kaminska e Hana Slivková. Em 1966 venceu o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro e em 1967 Ida Kaminska foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz por sua atuação. Considerado um dos melhores filmes, se não o melhor, da Primavera de Praga.  Numa pequenina cidade da Tchecoslováquia invadida pelos nazistas, às vésperas de 1942, está se procedendo uma “arianização”. “Não entendo. Mas estou certo de uma coisa: quando as leis vão contra pessoas inocentes, é o fim. O fim daqueles que as passaram”. nota 8,1

5. Planeta dos Macacos: A Origem (Rise of the Planet of the Apes, 2011) – Filme dirigido por Rupert Wyatt, baseado no livro La planète des singes de Pierre Boulle. Trata-se da décima produção sobre o livro de Boulle. Estrelando James Franco, Andy Serkis, John Lithgow e Freida Pinto. O novo filme se passa antes da bastante conhecida história original sobre o domínio dos símios na Terra, mas não possui exatamente conexão com ela. A produção pode prestar-se a algumas considerações interessantes acerca de pesquisas para a cura de doenças degenerativas nos seres humanos, e sobre questões éticas relacionadas à neurogênese. nota 7,9

6. Guerra ao Terror (The Hurt Locker, 2008) – Filme dirigido por Kathryn Bigelow e escrito por Mark Boal, ex-correspondente na Guerra do Iraque. Descreve os últimos dias de uma equipe antibombas responsável por desarmar artefatos do terrorismo em Bagdá. Estrelando Jeremy Renner, Anthony Mackie e Brian Geraghty. Em 2010 foi indicado ao Oscar em 9 (nove) categorias, vencendo em seis delas, entre as quais Melhor Filme, Melhor Direção e Melhor Roteiro Original. Entre as indicações, a de Melhor Ator (Jeremy Renner). O título original, The Hurt Locker, descreve uma situação de grande stress físico e emocional. “Você joga o dado, e encara o que vier”. nota 7,7

7. O Jardim dos Finzi-Contini (Il giardino dei Finzi-Contini, 1970) – Filme teuto-italiano, do gênero drama histórico, dirigido por Vittorio De Sica. O roteiro é baseado em romance homônimo de Giorgio Bassani. Estrelando Dominique Sanda, Lino Capolicchio e Helmut Berger. O jardim dos Finzi-Contini, uma rica família de judeus italianos, é o último símbolo de resistência contra as leis antijudaicas do regime fascista até que todos membros de sua família sejam presos. Alguns bons momentos de trilha sonora e também de fotografia. Em 1972 ganhou o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro e foi indicado como Melhor Roteiro Adaptado. nota 7,6

8. A Excêntrica Família de Antonia (Antonia, 1995) – Filme holandês escrito e dirigido pela cineasta holandesa Marleen Gorris. Estrelando Willeke van Ammelrooy, Jan Decleir e Veerle van Overloop. Boa trilha sonora assinada por Ilona Secacz. Cinco gerações de mulheres, tendo como centro a pessoa de Antonia. Com narração da mais nova delas, boa parte do filme transcorre com expressões e imagens muito belas. Em 1996 o filme ganhou o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. “O tempo não se preocupou com a vida ou morte, declínio ou ascensão, amor, ódio ou ciúmes. Ignorou tudo que nos é importante, e faz com que nos esqueçamos dele.” nota 7,4

9. O Maior Espetáculo da Terra (The Greatest Show on Earth, 1952) – Drama épico, com produção, narração e direção de Cecil B. DeMille. Uma celebração de amor ao circo! Estrelando Betty Hutton, Charlton Heston, James Stewart e Cornel Wilde. Durante a turnê de um circo, você se diverte com os números do espetáculo, por vezes com a plateia, e até com os dramas e flagrantes de bastidores. Em 1953 o filme recebeu cinco indicações ao Oscar, vencendo como Melhor Filme e Melhor Roteiro; entre as indicações, a de Melhor Diretor. “A apresentação acaba, mas o drama não”. nota 6,7

10. Medidas Extremas (Extreme Measures, 1996) – Filme de suspense dirigido por Michael Apted, baseado em um livro homônimo de 1991, do escritor Michael Palmer. Estrelando Hugh Grant, Gene Hackman e Sarah Jessica Parker. O filme promove uma reflexão profunda acerca da ética e do respeito pela dignidade humana, e toca em algumas delicadas questões da ética médica. Um médico faz pesquisas com células extraídas da espinha dorsal de indigentes, com a intenção de chegar à descoberta da cura da tetraplegia ou paraplegia. nota 5,9

Confira também as listas anteriores de dez (10) filmes: 46, 45, 44, 43, 42… Não constam destas listas aqueles filmes sobre os quais já tenhamos publicado algum post. Em meu espaço pessoal no Youtube talvez você encontre vídeos para alguns destes filmes, com cenas selecionadas e trailers. Consulte as Listas de Reprodução.

Written by Paulo Amadeu

15/09/2011 às 20:41

Publicado em Assistidos Recentemente

Tagged with

%d blogueiros gostam disto: